Publicidade
Poupe Tempo - O site de informações da comunidade brasileira
Sexta, 20 de Outubro de 2017
CANAIS
Adoções
Animais
Crianças
Consumidor
Código de defesa do consumidor
Onde Reclamar
Automóveis
Compra e Venda
IPVA
Licenciamento
Seguro Obrigatório
Seguro Particular
Consulta de CEP
Documentos
Carteiras Especiais
Carteira de Motorista
CPF
Licenças
Passaporte
Registro Geral (RG)
Título de Eleitor
Desaparecidos
Procedimentos
Ajuda
Estradas
Auto Ban
Ecovias
Nova Dutra
Via Oeste
Estudantes
Carteira de Estudante
Crédito Educativo
Descontos para Estudantes
Imposto de Renda
Justiça
Onde Reclamar
Pequenas Causas
Meio Ambiente
Ar
Água
Lixo
Poda
Multas de Trânsito
Consulta de Multas
Como Recorrer
Valores
Óbito
Previdência Social
Auxílios
Beneficios
Guia do Segurado
Pensão
Salário-Maternidade
Tabela do INSS
Tipos de Aposentadorias
Previsão do Tempo
Regiões do Brasil
Estados do Brasil
Prognóstico de Chuvas
Imagem do Satélite
Segurança
Carro
Cartão
Casa
Prédios
Rua
Viagens
Seguro Particular
Golpes
Sequestros
Trabalhador
Carteira de Trabalho
Onde Reclamar
FGTS
PIS
Seguro Desemprego
POUPE TEMPO
Anuncie no Poupe Tempo
 
Cuidados para adquirir ou vender um carro usado
 
Você deve saber que a compra de pessoa física para pessoa física não constitui uma relação de consumo e, por isso, não dá direito às garantias do Código de Defesa do Consumidor.

Pesquise em jornais e revistas especializadas que podem ajudá-lo a ter uma noção de preços e boas ofertas.

Cuidado! Um carro com preço bem menor do que o de mercado pode ter problemas. Ou está em péssimo estado ou foi roubado e adulterado.

Ao encontrar em classificados um veículo que atenda seus interesses, tome alguns cuidados especiais:

• Não faça negócio por telefone;

• Vá na casa ou loja do vendedor;

• Não dê dinheiro adiantado;

• Peça ajuda de mecânico de confiança para vistoriar o carro;

• Nunca vá sozinho.

• Para vistoriar um automóvel externamente, faça-o sempre à luz do dia.

• Ondulações e amassados podem indicar que o carro foi batido.

• Bolha na pintura é indicação de ferrugem;

• Portas e o capô devem se encaixar perfeitamente ao serem fechados;

•Para saber se os amortecedores estão bons, force o carro algumas vezes para baixo e solte-o. Se balançar diversas vezes, é sinal de que o amortecedor precisa ser trocado;

• Pneus lisos podem indicar também problemas com a suspensão, alinhamento ou balanceamento de rodas;

• Para saber se furos ou batidas foram consertados com massa plástica, de umas batidinhas com a mão na lataria. Som irregular é sinal de maracutaia.

• Embrulhe um imã numa flanela emovimente-o pela lataria. Onde ele se desprender, é sinal de que há massa plástica;

• Cheque todos os comandos do carro: faróis, limpadores, desembaçador, pisca-pisca, pisca-alerta, etc...

• Examine todos os equipamentos obrigatórios de segurança: extintor de incêndio, cinto de segurança, triângulo, macaco, chave-de-roda e estepe. É sempre bom exigir manual do proprietário.


Documentação:
 
• Exija os documentos originais;

• Cuidado, porque quadrilhas especializadas falsificam todo tipo de documento de carro.

• Antes de fechar negócio, verifique se o veículo não é produto de roubo.

• Verifique se os documentos do carro estão em ordem e pagos;

• O Certificado de Registro deve ser assinado pelo vendedor com firma reconhecida em cartório;

• O carro deve ser transferido em 30 dias;

• No caso de carro importado, exija a quarta via de importação;

• As multas devem ser checadas antes de se fechar o negócio. Para veículos de São Paulo, a pesquisa sobre multas no município pode ser feita através do site http://sampa5.prodam.sp.gov.br/multas/

• Tome cuidado ao comprar um carro em feiras de automóvel. Tem gente honesta, mas os bandidos costumam também usar esses locais.

• Ao vender um carro ou estabelecer uma troca, nunca deixe o pretendente andar com o seu carro sozinho. Ele pode ser um bandido e fugir.

• Só entregue o veículo vendido após o crédito definitivo em sua conta bancária. Cuidado com os cheques.

• Nunca receba um comprador dentro de sua casa, antes que você se certifique que se trata de pessoa honesta.

• Cuidado com os golpes. Principalmente de anúncios em jornais que oferecem "grande negócios". Ninguém dá nada a ninguém.

• Desconfie de muitas vantagens.

• Não faça uma compra apressada, principalmente em feriados ou finais de semana.

• Examine o veículo à luz do dia e totalmente seco.

• Confira as características do carro com as que constam no certificado de propriedade _ano, marca, número do chassi, cor etc. Veja se não há sinais de adulteração, como pontos de solda irregulares nas áreas de identificação do chassi.

• Consulte, junto ao Detran e à polícia, dados sobre registro de furtos, multas e bloqueios judiciais.

• Verifique vazamentos de óleo.

• Cheque se o carro apresenta pontos de ferrugem debaixo dos tapetes, do carpete, nos pára-lamas, portas, capô e junto a borrachas e frisos.

• Com o motor ligado, acione o freio, pressionando o pé no pedal. Se o pedal baixar aos poucos, há provavelmente vazamento de fluido de freio.

• Fique atento se o veículo inclina demais em curvas, ou balança em excesso ao passar por ondulações do piso.

• Ruídos constantes em freagens podem significar desgaste nas pastilhas de freio.

• Não ligue o rádio do carro e mantenha os vidros fechados, para melhor observar ruídos.

• Em um local plano e sem trânsito, solte as mãos da direção e freie. Se o carro puxar para um dos lados, pode haver problemas nos freios, suspensão ou mesmo má calibragem dos pneus.

Telefones úteis

CET- http://www.cetsp.com.br - FALE COM A CET ATRAVÉS DO TELEFONE 1188  

 

 
Publicidade